Bruno Reis defende fim da obrigatoriedade do uso de máscaras


Foto: Divulgação / PMS

O prefeito de Salvador, Bruno Reis (UB) voltou a defender publicamente a retirada da obrigatoriedade do equipamento de proteção contra a Covid-19 em Salvador. Segundo o gestor, o uso do equipamento deixará de ser obrigatório em locais abertos na capital baiana.


"Acho que já é possível retirar a obrigatoriedade das máscaras em todos os ambientes. Os números permitem isso. Mas, desde o início da pandemia, todas as medidas que tomamos foi em conjunto com o governo do estado. Deixo o governador a vontade para tomar essa decisão. Caso ele não tome, e se quiser transferir essa responsabilidade para os municípios, pode atualizar o decreto que nós imediatamente faremos (a liberação). Já temos condições para retirar as máscaras”, disse o prefeito.