Bruno Reis vai a Brasília defender PL que institui subsídio ao transporte público


Foto: Valter Pontes/Secom

O prefeito Bruno Reis viajará a Brasília nesta quarta-feira (16) para acompanhar, no Senado Federal, a votação do Projeto de Lei (PL) 4.392/2021, que cria um programa de custeio da gratuidade do transporte coletivo para idosos. A agenda integra um compromisso da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) visando a obtenção de recursos da União para subsídio ao transporte público em todo o país, um dos setores mais impactados pela pandemia da Covid-19.


“Teremos uma reunião com o senador Eduardo Braga, que é o relator do PL 4.392, cuja autoria é dos senadores Nelsinho Trad e Giordano. A equipe da FNP estará lá (em Brasília) para tirar dúvidas, assim como os prefeitos das capitais. Iremos fazer esse convencimento, esse corpo a corpo, para que essa matéria seja aprovada e avance para a Câmara. Sendo aprovada, poderemos garantir esse subsídio que é tão importante para sobrevivência do sistema de transporte público no Brasil”, afirmou Bruno Reis à imprensa, durante entrega da obra de drenagem do Canal da Terracon, em Valéria, nesta terça-feira (15).

O chefe do Executivo municipal da capital baiana, que também é vice-presidente de PPPs e Concessões da FNP, se reuniu ontem (14), em reunião virtual, com dirigentes da entidade. Os prefeitos relataram dificuldades de custeio na prestação do serviço de transporte público, e que os municípios seguem mantendo funcionamento regular da frota de ônibus, mesmo com redução significa de passageiros. A situação é ainda mais grave nas grandes cidades, nas capitais e regiões metropolitanas.


Ainda no encontro, os gestores debateram a necessidade de mobilizar o Congresso para que a PL avance, uma vez que a iniciativa é considerada essencial para promover maior sustentabilidade ao sistema, evitando onerações de tarifas.