Câmara aprova criação de Comissão Especial para debater retomada dos eventos em Salvador


Foto: Valdemiro Lopes


Proposta do vereador Claudio Tinoco prevê audiência pública para debater eventos-teste, eventos públicos e privados


A Câmara Municipal de Salvador aprovou nesta terça-feira (24) a criação de uma Comissão Especial para discutir a retomada de eventos em Salvador. A proposta, realizada pelo vereador Claudio Tinoco (Democratas), que deve presidir a Comissão, prevê, dentre outras ações, a realização de audiências públicas para debater, em especial, os eventos-teste, eventos públicos e privados.


Ex-secretário de Cultura e Turismo de Salvador e ex-presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), o vereador Claudio Tinoco esteve à frente da administração de grandes eventos como o Carnaval durante o período de oito anos. Ainda neste mês, o edil realizou um Webinar para debater a realização do Carnaval em 2022 no Brasil com representações do Rio de Janeiro, São Paulo e Pernambuco.


"A retomada dos eventos é uma pauta importante para a nossa cidade, principalmente porque o turismo, que engloba também o setor de eventos, é a principal indústria da nossa cidade, com impacto direto no PIB. Muitos pedem maiores debates acerca dessa retomada, da realização de eventos-testes, por exemplo. Na cidade de São Paulo, serão feitos mais de 30 eventos-testes para acompanhar os efeitos relacionados à transmissibilidade do coronavírus. Essa comissão trará maior debate e acesso da população à temática", afirmou o vereador Claudio Tinoco.

Evento-teste

Nesta segunda-feira (23), a Prefeitura de Salvador anunciou a realização de um evento-teste nesta sexta-feira (27) no Centro de Convenções de Salvador. O “Evento Teste Retomada Salvador” testará protocolos e operações construídos em conjunto com órgãos municipais, o setor de eventos e autoridades da saúde.


Todos os 500 participantes deverão ter tomado pelo menos a primeira dose ou dose única de alguma vacina contra a Covid em até 30 dias antes do evento-teste. Todos serão testados antes do dia do evento e voltarão a ser testados após o evento. Durante a festa, o uso da máscara será obrigatória durante todo o tempo, exceto no momento das refeições.