Chapa governista é alvo de especulações; Reunião contou com Lula, Wagner, Rui e Otto


Foto: Divulgação

Uma reunião com ex-presidente Lula, ocorrida em Brasília, nesta terça-feira (15), gerou diversas especulações sobre a composição da chapa governista para as eleições desse ano na Bahia. De acordo com o que fora noticiado em diversos sites da capital, o senador Jaques Wagner (PT) abriria mão da sua candidatura ao governo para o também senador, Otto Alencar (PSD). A mudança seria motivada pelo desejo do governador Rui Costa (PT) em se lançar ao senado. A informação foi prontamente negada por ambos os senadores.


“Eu, o governador @costa_rui e o senador @ottoalencar acabamos de sair de reunião com o presidente @LulaOficial e a presidenta @gleisi. Tratamos do quadro eleitoral no Brasil e na Bahia. Nada melhor do que dialogar sobre isso com o grande maestro da política nacional”, escreveu Wagner em seu perfil oficial no Twitter.

“Nosso objetivo é fortalecer a unidade do grupo para ganharmos mais uma vez na Bahia e com Lula. O quadro continua o mesmo, com minha pré-candidatura ao Governo e o desejo de Otto e Leão de disputarem o Senado. Política é assim: se conversa muito até se chegar a um consenso”, completou o petista.

Por sua vez, em entrevista ao Bahia.Ba, Otto corroborou as palavras do ex-governador:


“Vamos apoiar Lula e eu continuo como pré-candidato ao Senado. O senador Jaques Wagner é pré-candidato ao governo”

Tratativas – Ainda segundo informações que pipocam na imprensa baiana, hoje será a vez do vice-governador da Bahia, João Leão (PP), se reunir com o ex-presidente Lula. Em pauta: a definição da chapa para o pleito desse ano.


É aguardar as cenas dos próximos capítulos.