BANNER WEB - 970x250px - EDUCAÇÃO QUE TRANSFORMA.png

De acordo com Otto Alencar, Rui Costa “não tinha conhecimento do que se passava na SSP”

Em entrevista ao jornal Tribuna da Bahia, o senador Otto Alencar (PSD) saiu em defesa do governador Rui Costa (PT) no caso da da 6ª e 7ª fases da Operação Faroeste, que investiga um esquema de venda de sentenças por juízes e desembargadores do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Na ocasião, o então secretário da pasta, Maurício Barbosa, e a delegada chefe de gabinete da pasta, Gabriela Caldas Rosa de Macêdo, foram afastados do cargo por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Para Otto, o governador “não tinha conhecimento do que se passava na Secretaria de Segurança Pública”.

“A investigação aconteceu por parte da Polícia Federal. Se ele tivesse conhecimento, já teria tomado providência. Quando tomou conhecimento, exonerou toda a cúpula da Segurança Pública. Me surpreendeu muito. Nunca esperei que isso pudesse acontecer na cúpula da Secretaria de Segurança Pública”, disse Otto.