Embasa e Oi lideram lista de reclamações no Procon; veja ranking

A Superintendência de Defesa do Consumidor (Procon-BA) divulgou o Cadastro de Reclamações Fundamentadas de 2020, documento que apesenta a lista de fornecedores mais reclamados no órgão da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS), durante todo o ano passado.  Entre as áreas mais reclamadas no Procon-BA, 35% referem-se a serviços essenciais; 30% produtos; 16% assuntos financeiros; 14% serviços privados; entre outros.  A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) e a Oi Celular ocupam o topo da lista seguidos por: Casas Bahia, Coelba, Tim, Ricadro Eletro, Magazine Luiza, Vivo e Motorola.

“Foram muitos e grandes os nossos desafios, mas nós nos reinventamos, adaptamos a nova realidade, potencializamos o online e conseguimos manter o atendimento e o trabalho de defesa do direito do consumidor”, explicou Adriana Menezes, diretora de Atendimento do Procon-BA. Segundo Filipe Viera, superintendente do órgão, o lançamento do Cadastro marca o Dia do Consumidor e oferece a oportunidade de escolha. 

“A partir da lista, ele pode avaliar as lojas, os fornecedores e as empresas que tem os melhores índices de atendimento e resolução de reclamação dos consumidores”, afirmou o superintendente do Procon-BA, Filipe Vieira.