Ex-mulher Bruno Reis é afastada de cargo em hospital por não se vacinar contra a Covid



Soraya Santos, ex-mulher do prefeito de Salvador Bruno Reis (União Brasil), foi afastada do seu trabalho como médica do Hospital Geral Roberto Santos, na capital baiana, por se recusar a tomar vacinas contra a Covid-19. A informação é do jornal Folha de São Paulo.


Ainda segundo a publicação, ela recebeu uma pena inicial de suspensão por 90 dias, prorrogável pelo mesmo período, ao longo dos quais o governo do estado espera que ela seja imunizada.