Morre, aos 97 anos, o historiador baiano Cid Teixeira


Foto: Reprodução

Morreu nesta terça-feira (21), aos 97 anos, o historiador baiano, Cid Teixeira. As causas da morte não foram divulgadas. Formado em Direito pela Universidade Federal da Bahia, Cid Teixeira se notabilizou como grande historiador, sobretudo da história e cultura da Bahia.


Cid Ele foi professor de História na Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da Ufba e na Universidade Católica do Salvador (UCSal). Além disso, ocupou a cadeira de número 19 da Academia de Letras da Bahia.Ele também foi diretor da Fundação Gregório de Mattos e implantou o Serviço de Rádio Educação da Rádio Educativa da Bahia. Em 1992, foi condecorado com a Medalha Tomé de Souza, em 1992, mais alta honraria concedida pela Câmara Municipal de Salvador. Em 2013, recebeu a comenda 2 de Julho, pela Assembleia Legislativa da Bahia.


Publicou diversos livros, como "Bahia em Tempo de Província" (1986); "História do Petróleo na Bahia" (2001) e "Salvador: História Visual" (2001).