Reitor da UFBA afirma que vai contrariar portaria do MEC sobre volta às aulas

O reitor da Universidade Federal da Bahia (UFBA), João Carlos Salles, emitiu um comunicando afirmando que a Universidade Federal da Bahia (UFBA) não seguirá seguirá à portaria do Ministério da Educação (MEC) publicada na última terça-feira, 1, e que começa a valer a partir de 1 de Janeiro de 2020, que estabelece o retorno das atividades presenciais nas “instituição de educação superior integrante do sistema federal de ensino”.

“Nossa Universidade não colocará em risco a vida de nossa comunidade, nem deixará de cumprir, com autonomia, sua missão própria de ensino, pesquisa e extensão. Só nos cabe assim reiterar os termos de nossa Resolução 04/2020, que bem expressa nosso zelo e nossa responsabilidade acadêmica e institucional”, justificou Salles.