Rodoviários consideram possibilidade de “greve por tempo indeterminado”

Em entrevista à TV Bahia na manhã desta segunda-feira (19), o presidente do Sindicato dos Rodoviários, o vereador Hélio Ferreira afirmou que a paralisação de hoje pode ser a preparação para um possível greve.

“Estamos cumprindo o rito de greve. Se não resolver os problemas, não temos outro caminho a não ser greve por tempo indeterminado. A manifestação em Pirajá foi um grito de revolta da categoria. Quando chegamos a fazer protesto dessa natureza é porque já se esgotou todas as negociações. São mais de dois meses negociando”, disse Ferreira.

Entre os pleitos dos manifestantes estão o cumprimento do acordo feito com a CSN e a vacinação contra a Covid-19 para toda a categoria.