Salvamar alerta banhistas para alteração das marés em março



A Coordenadoria de Salvamento Marítimo (Salvamar), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), tem chamado a atenção dos banhistas para os riscos decorrentes das mudanças nas marés a partir deste mês de março. Isso porque a mudança das estações, neste caso a passagem do verão para o outono, mexe muito com as marés e as correntes de retorno, que ficam mais fortes e perigosas.


“Neste momento, vemos o sol brilhar no céu, mas as águas já começam a mudar, exigindo mais cuidado do banhista. Nós temos alertado diariamente para que os banhistas só frequentem as praias cobertas por salva-vidas”, disse o coordenador da Salvamar, Alysson Carvalho.

Ele também recomenda que o banhista escolha locais de banho com a água abaixo do umbigo, não suba em pedras (para prevenir quedas e fraturas), mantenha a atenção redobrada com as crianças e evite o excesso de bebida alcoólica, fator que altera a percepção de distância.


A professora Edeise Pinho frequenta a praia do Jardim de Alah há mais de 20 anos e acha importante ter os agentes na faixa de areia.


“É para a segurança e proteção de todos. Essa é uma praia com muita corrente de retorno e têm muitas famílias aqui”, atentou.

Estrutura - A Salvamar dispõe de 240 agentes, distribuídos em 35 postos, ao longo de 28 quilômetros de orla, atuando desde o Jardim de Alah até o Kartódromo de Ipitanga. Além disso, outros quatro postos móveis operam diariamente, inclusive em eventos do Município.


Os salva-vidas realizam ações preventivas, educacionais, de orientação e de salvamento em ambientes aquáticos, evitando afogamentos e preservando a vida. Para suporte às ações na água, os profissionais contam com moto aquática, pranchões, pés-de-pato, máscaras de mergulho, respiradores, capacetes e botes.

A Salvamar realizou dez resgates nos dez primeiros dias de março. Por força do aumento das ocorrências, o órgão vem atuando na Operação Praia Segura, com 20 agentes a mais nos finais de semana efetuando rondas ostensivas na orla. Em caso de emergência, o telefone de contato da Salvamar é o (71) 3363-5333.